Disjuntores e Dispositivos de Proteção

Procurando disjuntores e dispositivo de proteção? Está no lugar certo! Fale agora com nossa equipe e garanta a melhor oferta da cidade.

Modelos de Disjuntores Elétricos

O sistema elétrico de qualquer casa ou comércio precisa de mecanismos de segurança que previnem o sistema elétrico de sofrer com sobrecargas. Sim, os disjuntores e dispositivos de proteção são de extrema importância na hora de fazer a instalação elétrica em um imóvel.

 

Aqui na Portal nós trabalhamos com diversos tipos de disjuntores e dispositivos de proteção elétrica. Entre em contato com nossos eletricistas profissionais para ajudar a encontrar o modelo ideal para você. 

Veja como funciona um Disjuntor de Energia

 
 

Possuímos todos os tipos de Disjuntores e Dispositivos de Proteção

 

 O ideal é que todo imóvel possua todos os 3 itens de proteção elétrica mas nós sabemos que nem todas as pessoas seguem os protocolos de segurança e fazem essa instalação. Apesar disso, recomendamos fortemente que você peça para nosso especialista te apresentar todos os disjuntores e dispositivos de proteção ideais para você:
 
  • Disjuntor Termomagnético (DMT),
  • Interruptor Diferencial Residual (IDR)
  • Dispositivo de Proteção Contra Surtos (DPS).
 
 

Conheça mais sobre Disjuntores e Dispositivos de Proteção

Segundo a norma, os principais dispositivos de segurança elétrica para instalações prediais residenciais ou industriais são: fusíveis, DPS (dispositivos de proteção de surto ou de sobretensões), DR (diferencial residual) e DTM (disjuntor termomagnético).

 

 

 

Dispositivo DPS

 

Os dispositivos de proteção de surto são eficientes para preservar instalações e/ou equipamentos elétricos contra efeitos de uma super carga de energia. como os raios. Os DPS (dispositivo de proteção contra surtos) pode ser classificado em:

– Classe I: elimina efeitos diretos das descargas atmosféricas (raios);

– Classe II: protege equipamentos elétricos contra sobretensões induzidas ou conduzidas originadas de descargas atmosféricas;

– Classe III: usados para proteger equipamentos situados a mais de 30 metros do DPS de cabeceira.

 

Dispositivo DR

O Interruptor Diferencial Residual (DR) é o nome do equipamento que protege as pessoas de tomar choques elétricos em várias situações. Ele é obrigatório desde da implementação da NBR 5410 que obriga a utilização de dispositivos DR em locais molhados ou úmidos.  

Locais onde é Obrigatório Diferencial Residual:

  • Pontos de utilização em locais molhados ou sujeitos a lavagens, como cozinhas, garagens e lavanderias;
  • Tomadas internas usadas para alimentar equipamentos em áreas externas;
  • Pontos situados onde há banheira ou chuveiro;
  • Pontos de tomada em locais não residenciais;
  • Tomadas e iluminação em áreas externas.
 
 
 

Perguntas Frequentes (FAQs)

Voltados principalmente à proteção física dos aparelhos eletroeletrônicos, os dispositivos de proteção de surto ou sobretensões (DPS), como o próprio nome indica, protegem a rede contra sobretensões, que podem ocorrer por causa de fenômenos atmosféricos

São três os principais dispositivos de proteção aplicáveis a instalações prediais: disjuntor termomagnético (DTM), diferencial residual (DR) e dispositivos de proteção de surto ou sobretensões (DPS).

disjuntor atua em função dos níveis da corrente elétrica que atravessa o sistema: quando ocorre alguma sobrecarga, o aparelho desarma e interrompe o funcionamento de toda a rede, impedindo danos ao próprio circuito e aos eletrônicos nele conectados.

O DPS deve ser utilizado, conforme a NBR 5410, quando a equipotencialidade não é o suficiente para impedir o aparecimento de tensões de contato perigosas

Rolar para cima